• hAll

Covid-19. Sente-se exausto? Veja as dicas da Ordem dos Psicólogos

Um estudo da Organização Mundial de Saúde revela que, em Outubro de 2020, o "cansaço da

pandemia" atingia já cerca de 60% da população europeia. Em Portugal, são cada vez mais os cidadãos em isolamento para tentar conter a propagação da Covid-19, depois da aprovação do novo Estado de Emergência, no Parlamento, o que coloca a todos uma pressão psicológica.


"A nossa saúde psicológica também está em risco. A crise (pandémica e socioeconómica) gera insegurança, medo e ansiedade acerca do presente e do futuro, podendo agravar ou conduzir a dificuldades e problemas de saúde psicológica (como o stresse, a ansiedade ou a depressão)", alerta a Ordem dos Psicólogos Portugueses (OPP), num documento publicado no website da OPP. No entanto, sublinha, não podemos baixar a guarda".


Assim, para que o recolhimento domiciliário não tenha um impacto negativo na nossa saúde mental, a OPP lançou um conjunto de conselhos sobre como lidar com a fadiga da pandemia. Veja abaixo:

  1. Acredite na sua capacidade para lidar com esta situação. Que estratégias o ajudaram a ultrapassar as situações anteriores? Use-as ou adapte-as para enfrentar esta situação.

  2. Esteja atento às suas emoções, pensamentos e sentimentos. É natural que o seu humor e a sua motivação possam flutuar.

  3. Cuide de si e do seu bem-estar. Escolha realizar um conjunto diversificado de atividades que lhe dêem prazer. Encontre um tempo só para si, para contemplar, meditar, ouvir música ou agradecer coisas boas que lhe aconteceram, por exemplo. Desenvolva a sua resiliência.

  4. Peça ajuda. Se os seus sentimentos de ansiedade e inquietação forem excessivos e persistentes, se se sentir completamente sobrecarregado ou incapaz de funcionar e fazer a sua rotina diária, ligue para a Linha de Aconselhamento Psicológico do SNS24 (808 24 24 24, opção 4) ou procure a ajuda de um psicólogo.