• hAll

Josefinas promove recolha solidária de livros, jogos e manuais escolares

Livros, jogos de caráter pedagógico e manuais escolares novos ou em bom estado. É isto que a marca portuguesa Josefinas procura angariar através de uma iniciativa solidária que visa apoiar a construção de uma escola na Guiné-Bissau, promovida pela Fundação Npili, que necessita de recursos para garantir a educação de meninas e mulheres em situações precárias.


Até dia 30 de abril, a Josefinas estará a receber, no seu escritório, em Braga (Rua de São Domingos, 182, 4710-435 Braga), e pelo correio, todas as doações e, durante o mês de maio, estas serão enviadas para a fundação. "Acreditamos que a educação é a base da mudança e que uma menina que vai à escola será uma mulher mais forte e independente", diz Carolina Nelas, responsável pela comunicação da Josefinas, em comunicado. "Lançámos este desafio às editoras e à nossa comunidade e imediatamente tivemos respostas positivas. O povo português é extremamente solidário e generoso, pelo que estamos confiantes de que, todos juntos, vamos fazer a diferença nas vidas destas meninas e mulheres."


Desde então, o Grupo Presença, a LeYa, a Pato Lógico, a Livros Horizonte, a Plátano Editora, a Bruaá, a Planeta de Livros, a Gradiva e outras editoras nacionais, que preferiram optar pelo anonimato, já aderiram ao desafio lançado pela marca portuguesa.