• hAll

Luca, a nova marca de swimwear que quer promover o amor próprio (os tamanhos vão do S ao XL)

Fotografia: Madstudios


Catarina Rocha, de 28 anos, tem formação em Ciências da Comunicação e da Cultura e é uma produtora de eventos que a pandemia transformou em empresária. A Covid-19 trouxe-lhe "várias frustrações", sendo que "a maior delas foi ficar sem trabalho". Trabalhava na New Sheet Brand Activation, produtor das festas "Revenge of the 90's, até que se viu confrontada com a paragem total da área. Pelo meio, surgiu a Luca e é é caso para dizer que a necessidade aguçou o engenho.


Tudo começou com um sonho - literalmente. "Sonhei que tinha uma marca de swimwear. Liguei para uma grande amiga, a Susana, que tem um ateliê onde faz coleções de moda de praia, e contei-lhe sobre o meu sonho. Pediu-me que fosse ter com ela para conversarmos sem compromisso", mas conversa puxa conversa e "acabei por sair de lá com uma coleção", conta à hAll.


Luca vem da junção do nome da mãe, Luísa, com o de Catarina. A primeira coleção foi apresentada no passado dia 19 de maio e chama-se "Saudade". Os modelos são simples, favorecem todos os tipos de corpo e as peças são vendidas em separado.


Empoderar a mulher é o principal propósito da marca. A Luca, segundo Catarina, "é uma demonstração de amor ao nosso corpo" e veio para "mostrar a todas as mulheres que qualquer corpo é bonito, que as estrias e marcas fazem parte e que temos de aprender a amá-lo". "Sei o que é viver num corpo no qual não me sinto confortável, sobretudo durante a época balnear, que é uma altura em que as inseguranças são elevadas ao extremo, fazendo com que raramente me sinta bem na praia a usar um biquíni", confessa Catarina.

As peças de swimwear da marca estão disponíveis em várias cores e feitios para que a cliente possa fazer a combinação que desejar. Os tamanhos vão do S ao XL e podem ser feitos ajustes.


À semelhança de outras marcas portuguesas, a sustentabilidade também não foi esquecida na Luca. É, aliás, "uma grande preocupação". "Quando comecei, sabia que os valores das lycras sustentáveis eram um investimento que não poderia fazer de momento, então decidi que iria começar pelo packaging", comenta Catarina. Assim, os modelos são enviados numa caixa de cartão que contém os artigos e um saco de rede, que pode ter inúmeras utilizações. Além disso, é ainda enviado um postal de body positivity.

Os preços dos modelos variam entre os 32,50 e os 78 euros. Estão exclusivamente à venda online.


Percorra a fotogaleria abaixo para conhecer melhor a oferta da marca:

E-mail: geral.lucathebrand@gmail.com

Website: www.lucathebrand.com

Instagram: @luca.thebrand

Facebook: @luca.thebrand