• hAll

Nay. Todas as peças são de crochet nesta nova marca portuguesa

Quando três irmãs com profissões diferentes se juntam e estão cheias de ideias e genica para abrir um negócio há muitos cenários possíveis. Mas a história de Fernanda, Carolina e Daniela Oliveira mostra que do confinamento também podem surgir coisas boas. Foi assim que nasceu, no final do ano passado, a Nay, uma marca portuguesa com a roupa e decoração mais cool do momento e onde tudo é feito de crochet.


Para o trio foi importante, desde o início, produzir peças únicas e sustentáveis. Dos bucket hats aos coletes, "usamos maioritariamente algodão reciclado, temos reutilizado o packaging para fazer envios e tentamos ter o menor desperdício possível de material, utilizando todas os 'restos' de linhas noutros projetos", explica à hAll a caçula Daniela, que trabalha a tempo inteiro como auditora.


Quanto aos planos para o futuro, "gostaríamos de crescer como marca, trazendo um contributo positivo à indústria da moda". "Sabemos que é difícil resistir ao fast-fashion, mas queremos trazer uma alternativa mais sustentável ao mercado, incentivar a compra de um produto manufaturado de forma lenta e demonstrar o seu valor, incutindo a compra de um valor ajustado ao trabalho manual que as nossas peças exigem", sublinha Daniela.


Para já, pode encontrar todas as peças na conta oficial de Instagram da marca. Os preços variam entre 60 e 150 euros, no caso do vestuário, e entre 15 e 40 euros, nas peças de decoração e pequenos acessórios.


Percorra a fotogaleria abaixo para conhecer algumas peças:

E-mail: info@naythelabel.com

Instagram: @nay_the_label

Facebook: @naythelabel